Estratégia & Análise
ISSN 0033-1983
Principal

Artigos

Clássicos da Política Latino-Americana

Coluna Além das Quatro Linhas

Coluna de Rádio

Contenido en Castellano

Contos de ringues e punhos

Democracy Now! em Português

Democratização da Comunicação

Fale Conosco

LARI de Análise de Conjuntura Internacional

NIEG

Original Content in English

Pensamento Libertário

Publicações

Publicações em outros idiomas

Quem Somos

Sobre História

Sugestão de Sites

Teoria



Apoiar este Portal

Apoyar este Portal

Support this Website



Site Anterior




Creative Commons License



Busca



RSS

RSS in English

RSS en Castellano

FeedBurner

Receber as atualizações do Estratégia & Análise na sua caixa de correio

Adicionar aos Favoritos

Página Inicial




































































































































































































































































































































































































































































































































































































" target="_blank">



















































































































































































































































]> &acunetixent; " target="_blank">

























































































prompt(941983)" target="_blank">





































































































































































































































































































































Artigos •
Para jornais, revistas e outras mídias •

Eleições municipais e verticalização de alianças

jangadeiro online

Na charge do jangadeiro on line, uma relação explícita de confusão política. Isto reflete a falta de coesão programática e ideológica na concorrência pelos poderes municipais.

11 de agosto de 2012, Bruno Lima Rocha

Simultaneamente ao julgamento do caso conhecido como Mensalão do PT (existem outros, como os do PSDB mineiro e do DEM candango), estamos em pleno período de campanha eleitoral nos municípios. Desenvolvendo a análise a partir da cultura política reinante, ou seja, incluindo variáveis de atitude (transitória) e comportamento (estruturante), temos motivos de sobra para ficar preocupados com a qualidade do jogo democrático no Brasil. Se observarmos o padrão das alianças locais, aí a preocupação torna-se puro desespero.

enviar •
imprimir •

Não é preciso ser especialista para constatar o óbvio. Diante do conjunto de alianças circunstanciais, sem nenhuma coerência interna ou afinidade discursiva, é simplesmente impossível para um eleitor mediano reconhecer o alfabeto da política. Afinal, o estatuto da representação implica em ter um discurso diferenciado, uma carga ideológica explícita e proximidades e distâncias bem estipuladas para com outros agrupamentos. Na ausência destes elementos básicos de identificação, a escolha de candidatos e legendas, simplesmente não será baseada em nada programático. Quando não há aliança programática, resta associação de última hora, apenas juntando interesses imediatistas, onde a meta de todos é apenas ocupar postos de poder (de baixo recurso) e dotações orçamentárias (não muito volumosas).

Não há como exigir um comportamento razoável do eleitor se quem concorre para o cargo se porta tão mal. Quando não se identifica a divisão ideológica, a reprodução é a ideologia dominante, e sua cultura política hegemônica. Ou seja, o sentido lógico do engajamento político passa a ser a sobrevivência, a colocação laboral. O motor dessa cultura são as relações sociais, não escapando nenhum evento coletivo em escala municipal sem a presença de um enxame de candidatos a vereança e mesmo para prefeito.

A única forma de alterar este comportamento, ao menos o que vem de cima para baixo, seria algum tipo de verticalização de alianças. Não é possível uma sopa de siglas baseadas na ocasião fazer algum sentido para o eleitor mediano. Daí a associar a concorrência por cargos e representação apenas ao interesse econômico, não custa muito. As relações de clientela são muito fortes no Brasil, e como tal precisam ser combatidas. Uma boa forma seria a recomposição de blocos político-ideológicos, até para termos embates programáticos na campanha. É importante agrupar as legendas e para isso seria fundamental comprometer, ao menos nos estados, as formas de aliança política.


Este artigo foi originalmente publicado no blog de Ricardo Noblat






« voltar