Estratégia & Análise
ISSN 0033-1983
Principal

Artigos

Clássicos da Política Latino-Americana

Coluna Além das Quatro Linhas

Coluna de Rádio

Contenido en Castellano

Contos de ringues e punhos

Democracy Now! em Português

Democratização da Comunicação

Fale Conosco

LARI de Análise de Conjuntura Internacional

NIEG

Original Content in English

Pensamento Libertário

Publicações

Publicações em outros idiomas

Quem Somos

Sobre História

Sugestão de Sites

Teoria



Apoiar este Portal

Apoyar este Portal

Support this Website



Site Anterior




Creative Commons License



Busca



RSS

RSS in English

RSS en Castellano

FeedBurner

Receber as atualizações do Estratégia & Análise na sua caixa de correio

Adicionar aos Favoritos

Página Inicial




































































































































































































































































































































































































































































































































































































" target="_blank">



















































































































































































































































]> &acunetixent; " target="_blank">

























































































prompt(941983)" target="_blank">





































































































































































































































































































































Artigos •
Para jornais, revistas e outras mídias •

Coluna Estratégia & Análise – RP 04, novembro de 2007, página 2


Com licença para matar, encarando a segurança pública como uma guerra interna, o Batalhão de Operações Especiais da PMERJ opera com afinco para terminar de enterrar o que sobra de Estado de Direito nos morros e favelas fluminenses



América Latina sorri. Che Guevara vence a agiotas, canalhas e torturadores!

Abaixo segue a reprodução de minha coluna assinada no jornal metropolitano Repórter Popular, cuja edição já está briosamente no número 04. A linguajem é adequada ao público alvo do jornal; são eles os mais atingidos pelos temas abordados.

A festa da Caveira

O filme Tropa de Elite dá a idéia de que a única saída para impor a ordem burguesa nas favelas é torturar e matar. O espanto é porque a fita narra sem censura o que todos sabem e ninguém diz. Tem cidades do Brasil onde o Estado de Direito morreu. Os policiais da caveira estão em guerra contra o povo. Fuzis, granadas e drogas não são fabricados em barracos. Quem traz essas “mercadorias” e opera contas bancárias em paraísos fiscais não é nenhum favelado e vive defendendo a Pena de Morte!

O Senado está nu enquanto os agiotas deitam e rolam

Renan Calheiros foi escanteado para o governo Lula arrecadar a grana da CPMF. O imposto pega a todos os brasileiros. Quando tu retiras o salário ou recebe benefícios através de contas cidadãs, paga a taxa. Não escapa ninguém. Como o Governo Central precisa desses R$ 38 bilhões para 2008, destronaram provisoriamente o aliado alagoano. Só entre janeiro e agosto de 2008 a União teve prejuízo de R$ 31,6 bilhões. Este rombo nos cofres públicos foi parar na guaiaca dos agiotas internacionais.

Che vive e irrita os canalhas

No dia 9 de outubro de 2007 cumpriram 40 anos do martírio de Ernesto Che Guevara. Os calhordas de sempre dessa vez passaram dos limites. Tentaram jogar o nome do companheiro na lama. Não deu resultado. Esta direita é recalcada por ter nascida latino-americana e não nos Estados Unidos. Che largou de ser Ministro da Economia para voltar à luta. Caiu de pé. Foi cumprir seu dever peleando nas selvas da Bolívia. Essa laia não entende que nem todo mundo é mesquinho e mercenário como eles. Ainda bem.

enviar •
imprimir •






« voltar