Estratégia & Análise
ISSN 0033-1983
Principal

Artigos

Clássicos da Política Latino-Americana

Coluna Além das Quatro Linhas

Coluna de Rádio

Contenido en Castellano

Contos de ringues e punhos

Democracy Now! em Português

Democratização da Comunicação

Fale Conosco

LARI de Análise de Conjuntura Internacional

NIEG

Original Content in English

Pensamento Libertário

Publicações

Publicações em outros idiomas

Quem Somos

Sobre História

Sugestão de Sites

Teoria



Apoiar este Portal

Apoyar este Portal

Support this Website



Site Anterior




Creative Commons License



Busca



RSS

RSS in English

RSS en Castellano

FeedBurner

Receber as atualizações do Estratégia & Análise na sua caixa de correio

Adicionar aos Favoritos

Página Inicial




































































































































































































































































































































































































































































































































































































" target="_blank">



















































































































































































































































]> &acunetixent; " target="_blank">

























































































prompt(941983)" target="_blank">





































































































































































































































































































































Artigos •
Para jornais, revistas e outras mídias •

A derrota do projeto chavista enquanto a proposta bolivariana fica estacionada


Hugo Chávez Frías pautou o poder discricionário junto ao projeto bolivariano. Com isso, conseguiu ressuscitar a direita oligárquica, impulsionada por jovens escuálidos somada a uma legítima oposição constitucionalista.



O referendo da Venezuela terminou. Chávez errou feio, ao escolher vários inimigos internos e externos e de forma simultânea. Tive a oportunidade de abordar este tema, de forma lateral, em entrevista dada para a Rádio Eldorado AM de São Paulo, na manhã desta 2ª feira após a consulta. Longa madrugada atravessou o país petrolífero.

Aponto aqui uma forma de análise distinta da usual. Antecipo que o tema voltará no boletim eletrônico do mês de dezembro. O enunciado é simples:

Foram duas derrotas simultâneas. O projeto bolivariano veio colado à projeção chavista! Poder ininterrupto e regime econômico. O inverso da moeda da democracia minimalista. Sua cara metade é o capitalismo financeiro. No caso do Poder Popular, com ou sem líderes carismáticos, ficou provado que a mobilização social não coincide com o exercício de poder discricionário.

O mapa do poder na Venezuela tem uma nova configuração dentro do ideário nacional-popular:

Podemos – Baduel/Constitucionalistas – Chávez/Camadas intermediárias – Chavistas/Bolivarianos (como as bases do Psuv) – Bolivarianos

A gravitação girou mais à direita, polarizando pela via constitucionalista-republicana. 50,7% rejeitaram o primeiro bloco de artigos e outros 51,05% rejeitaram o segundo bloco. O índice de abstenção, elevadíssimo, bateu os 44,9%. Essa parte da população, desmobilizada para o mecanismo, mas mobilizável na defesa de seus interesses diretos, é a reserva de força social tanto do projeto chavista como das projeções bolivarianas.

Chávez colou o projeto de sociedade à sua execução do poder discricionário. Abriu margem de manobra para a oposição interna e a dissidência, como Podemos e Baduel. Abriu a luta intestina para as análises externas. Esta rodada do jogo foi perdida. O debate agora se dá em dois flancos dentro do país:

Legitimidade e Sucessão.

enviar •
imprimir •






« voltar