Estratégia & Análise
ISSN 0033-1983
Principal

Artigos

Clássicos da Política Latino-Americana

Coluna Além das Quatro Linhas

Coluna de Rádio

Contenido en Castellano

Contos de ringues e punhos

Democracy Now! em Português

Democratização da Comunicação

Fale Conosco

LARI de Análise de Conjuntura Internacional

NIEG

Original Content in English

Pensamento Libertário

Publicações

Publicações em outros idiomas

Quem Somos

Sobre História

Sugestão de Sites

Teoria



Apoiar este Portal

Apoyar este Portal

Support this Website



Site Anterior




Creative Commons License



Busca



RSS

RSS in English

RSS en Castellano

FeedBurner

Receber as atualizações do Estratégia & Análise na sua caixa de correio

Adicionar aos Favoritos

Página Inicial




































































































































































































































































































































































































































































































































































































" target="_blank">



















































































































































































































































]> &acunetixent; " target="_blank">

























































































prompt(941983)" target="_blank">





































































































































































































































































































































Artigos •
Para jornais, revistas e outras mídias •

Lobão, lobinho e a mulher de César


Edison Lobão Filho é um criativo empresário, diversificando investimentos e controle societário, promovendo a radiodifusão no interior do Maranhão e a ascensão de uma esforçada doméstica. Coração de ouro, amigo dos amigos e com muita vontade de viver. Será um excelente representante na nobre Câmara Alta do país tropical.



É uma das máximas da política. Não bastava a mulher de César ser honesta, ela tinha de aparentar ser honesta. Como se fala na anti-política brasileira, ela, a mulher da autoridade, tem de “sinalizar” ser honesta. Caso contrário, os “humores” do mercado podem “oscilar”, retirando divisas, saindo da mesa de bacará e “migrando” para a roleta. Na jogatina financeira, a moeda digital entra e sai, de acordo com as ganas da remuneração de juros. O país da soja também é o país onde os ministérios são loteados e o planejamento estratégico é uma piada de péssimo gosto.

A cada dez anos vivemos sintomas de crise apagão energético. Quando a indústria começa a acelerar, pondo em funcionamento sua capacidade ociosa, vem o fantasma de falta de energia. Sem o vapor não haveria industrialização, assim como o carvão mineral, a devasta do carvão vegetal e o uso dos combustíveis fósseis. A matriz brasileira é hidrelétrica, mas poderia ser mais diversificada, desconcentrando a geração e cortando os subsídios para as multis. Nada disso ocorre, e eis que o presidente metalúrgico, líder sindical que afirmou nunca haver sido de esquerda, consegue a proeza de indicar alguém suspeitíssimo para uma das pastas mais sensíveis do momento. É mais um espetáculo da política às avessas.

Depois da Gautama vem o Lobão (Edison Lobão, senador pelo PMDB/MA) e o Lobinho (Edison Lobão Filho, 1º suplente pelo DEM/MA). Uma velha prática das oligarquias nordestinas, muito sofisticadas atualmente, é a dobradinha. O filho é suplente do pai por legendas em tese antagônicas. Para inglês ver. Alguém em sã consciência imagina Roseana brigando com Sarney pai e Sarney filho? Não. Outro alguém supostamente são das idéias, imagina que as contas de campanha e os fundos de pai e filho, operando na política profissional a partir do território do Maranhão possam ser independentes? Também não.

O estado que ofertou a Balaiada para orgulho da política brasileira tem em seus oligarcas um dos piores exemplos do Brasil. Lobinho vem na esteira do pai, que por sinal, ocupará a cota pelo PMDB, embora ele, Lobão, assim como o Lobinho, tem sua base na UDN com nome de DEM!

Naquilo que interessa, o ministério em si, a balbúrdia impera. 11 ministros e nenhuma autorização para construir em quase 10 anos. Agora, com os ventos à la chinesa da ex-guerrilheira líder da Nomenklatura tupiniquim, a vontade é férrea e o destino é seguir o destino por água e cabos de alta tensão da extinta rodovia Madeira-Mamoré. Ainda bem que não venderam Furnas no reinado de FHC.

Lobão segue o caminho aberto por Delfim Netto rumo ao “centro” da política. Outro Arenista travestido, tal como Stephanes na pasta do agronegócio, a formar a “base aliada” tanto no Parlamento como na Esplanada. Desta comédia pós-moderna, o melhor de tudo é a “posição” da UDN legítima, como nome de DEM. Sua executiva aconselhou a Lobinho a seguir o caminho do Lobo pai, “migrando” de legenda e não associando este escândalo com a ilibada legenda de ACM Neto.

enviar •
imprimir •






« voltar